FATOS PITORESCOS SOBRE A VIDA DE HANS CHRISTIAN ANDERSEN

Hans-Christian-Andersen

1. O contista e escritor dinamarquês Hans Christian Andersen nasceu em 2 de abril de 1 805 em uma família muito pobre. Sua mãe era lavadeira e o pai, apesar de bem letrado, sustentava a família trabalhando como sapateiro. Toda a família vivia em um único quarto.

2. O pai costumava encenar as peças de Shakespeare com brinquedos para o filho. Admirador do dramaturgo inglês, o senhor Andersen conhecia algumas das suas obras de memória.

3. Quando a fama era apenas um sonho, o desconhecido Hans fez de quase tudo: cantou, dançou, desenhou… Mas só se tornou famoso com seus contos infantis.

4. Além de escrever peças de teatro, Andersen trabalhou como ator e dançarino no Teatro Real da Dinamarca, em Copenhagen.

5. Andersen conheceu inúmeras personalidades da cultura de sua época, entre as quais Honeré de Balzac, Victor Hugo, Alexandre Dumas, Henrik Ibsen, Richard Wagner, Franz Liszt, Johannes Brahms e Charles Dickens, de quem foi grande amigo.

6. Nada apavorava mais o escritor do que a hipótese de ser sepultado vivo. O medo era tamanho que, quando estava gravemente doente, Hans costumava deixar um bilhete na cabeceira da cama avisando que estava “ apenas parecendo morto”. Para garantir que não seria enterrado vivo, chegou ao ponto de pedir que lhe cortassem uma artéria antes de sepultá-lo.

7. A autobiografia de Andersen foi escrita em dois volumes e lançada inicialmente na Alemanha em 1 847.

8. Assim como os escritores Jack Kerouac, Manuel Puig, Virginia Woolf, Elizabeht Bishop e Oscar Wilde, o dinamarquê Andersen era homossexual.

9. Ao todo, Hans Christian Andersen escreveu 156 contos.

10. Em homenagem a Andersen, a data de seu nascimento, 2 de abril, foi instituída como Dia Internacional do Livro Infantil.

11. A estátua da Pequena Sereia, em Copenhaguen, é uma homenagem ao escritor. A Pequena Sereia foi transformada em desenho animado pelos estúdios fundados por Walt Disney.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *