16 Personalidades que morreram de acidentes de automovel

16 Personalidades que morreram de acidentes de automovel

Famoso pela série de filmes Velozes e Furiosos, em que os personagens disputam corridas em diferentes cidades do mundo, o ator norte-americano Paul Walker faleceu em novembro de 2 013 justamente num acidente de automóvel. O carro em que estava bateu numa árvore, matando o motorista e o acompanhante. Segundo os especialistas, o acidente ocorreu em virtude da alta velocidade e do estado dos pneus, considerado um pouco velhos. A seguir, saiba mais sobre outras personalidades que morreram em acidentes de trânsito.

Conhecido pela dupla com Buchecha, o cantor Claudinho morreu num acidente na Via Dutra, estrada que liga São Paulo ao Rio de Janeiro. Eles tinham terminado de fazer um show no Vale do Paraíba, em São Paulo, e seguiam em carros separados para a capital fluminense. Foi quando o automóvel em que Claudinho estava envolveu-se num acidente. Ele não resistiu ao ferimentos e acabou falecendo. Tinha 27 anos.

Considerada uma das melhores cantoras de MPB do início dos anos 1 970, Maysa faleceu em virtude de um acidente na ponte Rio-Niterói, no Rio de Janeiro. O carro em que estava bateu violentamente numa mureta da ponte, provavelmente em alta velocidade. Segundo relatos de pessoas próximas, a cantora não dormia há vários dias, talvez em virtude dos efeitos dos remédios para emagrecer que havia tomado.

Outro cantor brasileiro que morreu num acidente foi Francisco de Assis França Caldas Brandão. Mais conhecido como Chico Science, ele estava no auge da carreira com o grupo pernambucano Nação Zumbi quando faleceu. A morte ocorreu quando o carro em que estava bateu num poste após ser fechado por outro veículo. Chico podia ter sobrevivido se o cinto de segurança do Uno Mille não tivesse rompido. A montadora FIAT foi obrigada pela Justiça a pagar uma indenização para a família.

José Henrique dos Reis, ou João Paulo, era um dos mais prestigiados cantores sertanejos quando faleceu. Fazia dupla com Daniel, que viu-se então obrigado a seguir carreira solo. Eles tinham acabado de fazer um show no ABC Paulista quando João Paulo sofreu o acidente na rodovia dos Bandeirantes. O carro que dirigia capotou diversas vezes. João Paulo ficou preso nas ferragens e acabou morrendo carbonizado. Ele tinha 37 anos.

O cantor e compositor brasileiro Gonzaguinha, filho de Luiz Gonzaga, faleceu aos 45 anos num acidente quando voltava de um show no interior do Paraná. O carro bateu de frente a uma caminhonete, que matou o cantor na hora.

O cantor Jessé faleceu aos 40 anos de idade, também num acidente no interior do Paraná. Ele estava a caminho da cidade de Terra Rica quando o acidente que o matou aconteceu. Jessé perdeu o controle do carro, que bateu num barranco e capotou. Em atendimento a um desejo do cantor, a família doou todos os seus órgãos.

Considerado um dos maiores ídolos da era de ouro do rádio brasileiro, o cantor Francisco Alves morreu carbonizado quando o carro em que viajava bateu num caminhão que entrou na contramão num trecho da rodovia Presidente Dutra, no interior de São Paulo. Em quase 25 anos de carreira, Alves gravou mais de 500 álbuns. Sua morte chocou o Brasil e seu enterro foi acompanhado por milhares de fãs. Ele ia completar 54 anos na época.

Cristiano Araújo voltava de Itumbiara, no interior de Goiás, quando o carro em que estava saiu da pista e capotou. O cantor sertanejo, que estava no auge da carreira, chegou a sair sozinho do veículo, mas acabou morrendo logo depois. Sua namorada também faleceu no acidente. Os corpos foram enterrados em Goiânia. Cristiano Araújo tinha apenas 29 anos.

Considerado um dos maiores mitos do cinema do século XX, o ator norte-americano James Dean perdeu a vida quando dirigia seu carro – um Porsche 500 Spyder com pouco tempo de uso – a mais de 150 quilômetros por hora numa estrada do estado da Califórnia. De carreira meteórica, Dean tinha apenas 24 anos na época.

Não menos trágico foi o acidente que matou a norte-americana Grace Kelly. A atriz e princesa de Mônaco faleceu quando o carro que dirigia saiu da estrada e caiu num despenhadeiro. Grace Kelly tinha apenas 52 anos.

Outra princesa cuja morte causou comoção mundial foi a de Diana Spencer, mais conhecida como Lady Di ou Princesa Diana. O acidente que a matou juntamente com o namorado ocorreu em 1 997, quando o carro em que ambos estavam bateu numa pilastra num túnel da capital francesa. Diana e Dody Al-Fayed, o namorado, tentavam escapar de paparazzis quando aconteceu o desastre. Ela foi arremessada contra o banco da frente. Chegou a ser socorrida ainda com vida, mas acabou falecendo em virtude de lesões internas. O funeral foi transmitido para o mundo todo e comoveu especialmente os súditos da coroa britânica. Diana tinha 36 anos.

Tido como um dos mais talentosos novelistas brasileiros, Dias Gomes faleceu em virtude de um acidente nas ruas de São Paulo. O autor de novelas de grande sucesso na TV Globo, voltava de um jantar com a esposa quando o táxi em que estava fez uma conversão proibida e foi atingido por um ônibus. Gomes foi arremessado para fora e bateu a cabeça numa mureta. Gomes era famoso por obras como Roque Santeiro, Saramandaia, O Pagador de Promessas e O Bem Amado. Tinha 77 anos.

O escritor e filósofo francês Albert Camus faleceu num acidente de automóvel a caminho de Paris. O veículo em que estava saiu da pista e bateu numa árvore. De acordo com uma teoria da conspiração, Camus teria sido de fato assassinado pela União Soviética. Ele tinha 47 anos na época.

Outro gênio da cultura francesa que morreu num acidente de carro foi o pintor e escultor Aristide Maillol, aos 83 anos.

Ayrton Senna é ainda hoje um dos maiores pilotos de Fórmula 1 de todos os tempos. Morreu em maio de 1 994, durante o Grande Prêmio da Itália. Seu carro saiu da pista e bateu em alta velocidade numa mureta de uma curva chamada Tamburello, no autódromo de Ímola. Senna chegou a ser socorrido com vida, mas faleceu logo depois em virtude de lesões cerebrais. Sua morte comoveu todo o Brasil, que acompanhou o cortejo fúnebre pelas ruas de São Paulo. Ele tinha acabado de completar 34 anos.

Imagem acima: monumento a Ayrton Senna em Ímola, Itália.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *